• Cortejo cultural marca passagem em Feira do Dia do Circo e do Teatro

Cortejo cultural marca passagem em Feira do Dia do Circo e do Teatro

27 de março de 2017 \\ Cultura

Hoje teve espetáculo circense e teatral na avenida Getúlio Vargas, em comemoração à passagem do Dia do Circo e do Teatro. Artistas e curiosos participaram da 1º Cortejo da Cultura de Feira de Santana, realização da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer e a Fundação Egberto Costa.
 
Palhaços, malabarista, perna-de-pau, grupo de capoeira e atores vestiram seus personagens – Chapeuzinho Vermelho, garçom, bruxas, entre muitos outros, e foram à avenida comemorar. Gente de todas as idades brincaram feito crianças.
 
O animado e colorido cortejo se concentrou no estacionamento da Prefeitura, onde no palco aconteceram apresentações. O ator Araílton Públio realizou a performance “Poemas ao vento”, José Guedes interpretou “Interrogação e apresentação” e Roberval Barreto, “Pabulagem”.
 
Luiz Augusto Oliveira, diretor do Departamento de Atividades Culturais, disse que o cortejo foi uma maneira lúdica de que todos participassem das comemorações. “Todas as pessoas gostam de teatro e amam o circo”.
 
Aos 72 anos, dona Raimunda Maria Araújo disse que se encontrou na vida ao fazer teatro, há 17 anos. “Teatro é tudo de bom na vida”. É uma dos muitos alunos dos cursos oferecidos pela Funtitec, no projeto Arte de Viver, no Centro de Cultura Maestro Miro.
 
O palhaço Charmosinho, do circo de mesmo nome, disse que a mágica do espetáculo circense nunca será desvendada, porque não é truque. “Agrada pessoas de todas as idades”. Para ele, o personagem é incorporado à medida que se maquia. “As cores fazem que Fly Oliveira desapareça à medida que Charmosinho ganha sua forma”.
 
O circo está montado no CSU, na Cidade Nova, onde oferece cursos gratuitos para até 50 crianças e adolescentes de como se tornar uma malabarista, contorcionista, entre outras atividades. Menos a de palhaço, que já nasce pronto.

Fonte: Secom

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE