• Escritor saudita pede ao seus seguidores que estuprem mulheres

Escritor saudita pede ao seus seguidores que estuprem mulheres

30 de maio de 2013 \\ Mundo

Um escritor pediu aos seus cerca de 97 mil seguidores no Twitter que abusem sexualmente de mulheres contratadas para trabalhar como caixas em supermercados.

 

A atitude do saudita al-Dawood provocou a ira de vários usuários da rede. Outros, porém, o reconheceram como um defensor dos costumes, contra a ocidentalização do país.

 

O governo árabe realiza um processo de inclusão de homens e de um número modesto de mulheres no trabalho, com o objetivo de transformar a economia não petrolífera do país.

 

Após a polêmica, o saudita justificou sua campanha, ao dizer que se baseava na história do guerreiro al-Zubair.

 

Segundo al-Dawood, o guerreiro não queria que sua mulher saísse de casa para rezar na mesquita.

 

Em uma noite, ele teria se escondido no escuro da rua e molestado sua própria esposa. Após o ocorrido, a mulher teria decidido nunca mais sair de casa. (Bahia Notícias)  

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE