• Ponto Cidadão da Rede SAC é inaugurado em Barra da Estiva

Ponto Cidadão da Rede SAC é inaugurado em Barra da Estiva

12 de novembro de 2016 \\ Municípios

O município de Barra da Estiva, na Chapada Diamantina, recebeu do Governo do Estado investimentos em diversas áreas. Neste sábado, o governador Rui Costa esteve na cidade para inaugurar uma unidade do Ponto Cidadão, versão compacta do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC), e autorizou obras que irão fortalecer a agricultura familiar na região. Na oportunidade, também foi entregue uma praça, estádio reformado e vias pavimentadas.

"Se quisermos uma sociedade mais inclusiva, com as crianças longe das coisas do mal, é preciso investir em esporte, educação e cultura. Com o Ponto Cidadão estamos proporcionando mais dignidade e economia para a população que não vai mais precisar sair da cidade para fazer a documentação. Fico feliz em saber que a Bahia é um dos três estados brasileiros com melhor situação financeira. É um esforço grande da nossa equipe, mas só assim conseguimos todos estes investimentos", destacou o governador.

Além de levar melhor atendimento e mais serviços aos moradores de Barra da Estiva, o Ponto Cidadão inaugurado neste sábado beneficia a população de Jussiape, Contendas do Sincorá, Iramaia, Ibicoara e Marcílio Souza, com a emissão de documentos como CPF, carteira de identidade, carteira de trabalho, certidão de antecedentes criminais, entre outros. De acordo com a coordenadora operacional da Rede SAC, Carla Santiago, com a unidade de Barra da Estiva, a Bahia passa a contar com 24 Pontos Cidadãos. 

Mais comodidade para o marceneiro Edmilson Santos, que não vai mais precisar se deslocar ao município de Mucugê, distante 86 quilômetros, para dar entrada em documentos pessoais. "Acabei de levar quatro filhos meus para a cidade vizinha para tirar o RG. Eu também ia tirar o meu fora da cidade. Agora, já posso tirar aqui".

Para o secretário estadual da Administração, Edelvino Góes, "é de muito valor a inauguração do Ponto Cidadão de Barra da Estiva, que se integra como o 46° município baiano contemplado pela Rede SAC, que, em 2006, englobava 18 cidades, tendo um avanço considerável nos últimos dez anos. Essa unidade vai propiciar aos cidadãos da região mais comodidade para tirar documentos básicos, como carteira de identidade, que passa a ser de 660/mês, e de trabalho, que é novidade na região, assim como o atendimento previdenciário. Com isso, as pessoas dão um passo importante no sentido de entrar nos programas do Governo Estadual, e também identificar oportunidades de emprego".

Apoio à fruticultura

Ainda em Barra da Estiva, o Governo autorizou a Companhia de Ação Regional (CAR), órgão da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), a construir uma unidade de recebimento, resfriamento e congelamento de morango na comunidade de São Domingos. A intenção é que o investimento da ordem de R$ 383 mil garanta mais qualidade da fruta na pós-colheita, reduza perdas e aumente a aceitação no mercado. Num primeiro momento, 32 famílias serão beneficiadas com a obra. A expectativa é que quando a unidade entrar em operação, em 2018, este número chegue a 168.

Conforme o governador, a iniciativa vai agregar valor ao produto e, consequentemente, aumentar o faturamento dos produtores. "Barra da Estiva é conhecida pela produção do café e hoje surge uma outra alternativa, que é o morango. É importante que tenha diversificação da cultura para que o agricultor possa se equilibrar. Quando uma ou outra aumentar, ele poderá manter a renda porque ele passa a ter diversidade na produção. Por isso, estamos apoiando os agricultores a beneficiarem o morango".

Mecanização da agricultura familiar

A utilização de máquinas e implementos agrícolas para aumentar e melhorar a produtividade no campo deixou de ser exclusividade dos grandes empresários rurais. Por meio da CAR, foram entregues oito tratores e dez microtatores para associações, sindicatos e cooperativas de pequenos agricultores. O presidente da Associação dos Pequenos e Mini produtores da Comunidade de Caboclo, zona rural de Barra da Estiva, Denivaldo Alves Luz, disse que em oito anos de atuação, o trator com implementos agrícolas era o que faltava para dinamizar a produção café e feijão, carros-chefe na comunidade. "A associação tem 50 famílias cadastradas. Com esse trator vamos poder arar a terra. Vai ser muito bom para a gente".

Na opinião do governador, quando o agricultor produz mais e melhor, ele gasta na cidade o que fatura. "O comércio vai gerar mais vagas de emprego. Por isso é tão importante investir na agricultura. É a primeira vez que estas entidades rurais recebem um trator. Estamos trabalhando fortemente para acelerar a mecanização na agricultura familiar", explicou Rui Costa.

Desenvolvimento urbano


Executado pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder) e com investimento de R$ 600 mil, a pavimentação de 800 metros em paralelepípedo da rua principal do bairro Alto México foi outra obra que aumentou a autoestima da população. De acordo com a moradora e comerciante Nilzete Anjos, que há três anos tem uma mercearia no local, "não tinha nada. Era chão batido. O bairro não tinha movimento e era mal visto. Com a pavimentação melhorou em torno de 60%".

Lazer e esportes


O governador também participou da inauguração da Praça Jackson Aguiar Viana, construída pela Prefeitura de Barra da Estiva, e de um estádio, que recebeu gramado, sistema de irrigação e arquibancadas, resultado de parceria com o Governo do Estado, por meio da Superintendência de Desportos da Bahia (Sudesb), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre). 

Estiveram presentes no evento em Barra da Estiva os secretários estaduais do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Álvaro Gomes; da Administração (Saeb), Edelvino Góes; de Desenvolvimento Rural (SDR), Jerônimo Rodrigues; de Relações Institucionais (Serin); Josias Gomes; e da Agricultura (Seinfra), Vitor Bonfim.


Fonte: Gov/Ba 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE