Medo do coronavírus

30 de julho de 2020 \\ O Bispo

Vivemos com medo de tudo. Temos medo da pobreza, da doença, do desemprego, de acidentes, da crítica, da tempestade, do assaltante, do futuro, da velhice e da morte. Agora, uma sombra gigantesca

de medo faz tremer toda a humanidade. O inimigo invisível se chama Coronavírus. 


QUAIS são seus medos? Você tem medo de que? O medo está presente no coração e na mente de muitas pessoas. Alguns são atingidos de tal forma por ele que ficam paralisados. Um pensador

chamado Napoleon Hill, dizia que um dos instrumentos mais poderosos para viver triste é o medo. 


AS FORÇAS negativas, com pensamentos perturbadores e de medo, são diabólicas. São elas que perturbam a harmonia. Perceber que as forças negativas agem em nosso pensamento é muito

importante. As forças positivas que destroem os pensamentos negativos e o medo são a fé, a esperança e o otimismo. Elas dão harmonia a tudo e sustentam a vida. Essas forças são de Deus.


TODA a vez que nos omitimos, toda a vez que fugimos, nosso medo torna-se maior. Por outro lado, sempre que enfrentamos o inimigo – independente do resultado – cresce nossa confiança. Não

temos a obrigação de vencer sempre, mas de lutar. É a luta que dá dignidade a uma vida. E, um dia, Deus não nos perguntará se vencemos, mas se lutamos. Ele, nem sempre nos livra do medo, mas

nos dar forças para superá-lo.


A CORAGEM é uma conquista. É impedir que o medo e timidez tornem-se traços marcantes em nossa personalidade. Coragem, é continuar avançando, mesmo morrendo de medo. No horizonte da

Fé, a coragem procede da certeza da proteção de Deus. O evangelista Lucas conta a história de uma tempestade que ameaçava afundar a barca onde os apóstolos estavam. Jesus, com carinho e ternura,

perguntou a eles: onde está vossa Fé?


DEIXE que Deus assuma as rédeas de sua vida e Ele o levará ao território da felicidade. Ele quer que seus filhos e filhas sejam felizes, já aqui nesta vida. Na liturgia proclamamos: “A nossa proteção está

no nome do Senhor”! A frase: “Não tenham medo” figura dezenas de vezes no Evangelho. E Jesus, também, promete: “Eu estou convosco todos os dias até a consumação dos séculos” (Mt 20,20).

O Bispo