• Lulinha alerta para crescimento da zika, dengue e chikungunya

Lulinha alerta para crescimento da zika, dengue e chikungunya

21 de maio de 2020 \\ Geral

Durante discurso na sessão ordinária desta quarta-feira (20), na Casa da Cidadania, o vereador Luiz Augusto de Jesus – Lulinha (DEM) voltou a falar sobre o aumento dos casos de dengue, zika e chikungunya tanto na sede, quanto na zona rural de Feira de Santana.

Lulinha citou que em alguns bairros da cidade, como Conceição e Mangabeira, praticamente em todas as ruas existem pessoas infectadas por umas das arboviroses citadas anteriormente. “No bairro Conceição, em uma casa só, tem sete pessoas doentes, outra casa com três, outra com cinco, outra com dois. Praticamente em todas as ruas do bairro Mangabeira e também na Rocinha a situação é a mesma”, afirmou

O edil reiterou a necessidade de ações para combater a proliferação do mosquito Aedes Aegypti e voltou a solicitar o uso do carro fumacê.  “A informação que eu tenho, era que estava em falta o inseticida, mas que já chegou no final de semana. Estão esperando parar de chover para poder aplicar o produto”, disse. E acrescentou: “Questionei sobre os novos carros fumacê para Feira de Santana, pois várias cidades do interior receberam. A informação é que existe uma promessa de mandar carro fumacê para Feira, para que possa ser realizado um trabalho mais intenso”.

Lulinha voltou a sugerir ao prefeito Colbert Martins e a secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, a contratação emergencial de agentes comunitários de saúde para atuar no combate ao Aedes Aegypti. “Precisa de recurso humano para poder agir. O último concurso faz mais de 10 anos.  A dengue, zika e chikungunya também mata”, alertou.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE