• “Só quem precisa de imunidade parlamentar é bandido”, diz deputada federal

“Só quem precisa de imunidade parlamentar é bandido”, diz deputada federal

27 de fevereiro de 2021 \\ Geral

Dos 32 deputados baianos que votaram na sessão que autorizou a tramitação da PEC que cria novas regras para Imunidade Parlamentar, 21 foram favoráveis à admissibilidade da PEC, enquanto 11 se posicionaram de forma contrária. A Câmara dos Deputados autorizou ontem, por 304 votos a 154, a tramitação desta Proposta de Emenda à Constituição (PEC).  

Em entrevista ao programa Altos Papos, a deputada federal Dayane Pimentel (PSL-BA), que votou contra a proposta, justifica que “só quem precisa de imunidade parlamentar é bandido” . “Enquanto parlamentar me sinto envergonhada, por estarmos parados para discutir uma PEC da impunidade, que visa dar munição a bandidos de colarinho branco”, ratifica a deputada. 

A proposta  é uma reação à prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) As mudanças propostas impedem, na prática, que um parlamentar seja afastado do mandato, ou preso por ordem de um único ministro do STF. Silveira foi preso por ordem do ministro Alexandre de Moraes e depois o plenário do tribunal, por unanimidade, confirmou a prisão.

Fonte: Altos Papos.  

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE